A Walt Disney deixará de fornecer novos filmes ao Netflix a partir de 2019 e lançará seu próprio serviço de transmissão findando à parceria exclusiva com a Netflix. inicialmente será criado e lançado um site para as marcas Disney e Pixar, e um para a transmissão ao vivo de eventos esportivos.

O serviço de transmissão dará à Disney "um controle muito maior sobre o nosso próprio destino em um mercado em rápida transformação", disse o presidente-executivo Bob Iger descrevendo o movimento com uma "estratégia de crescimento totalmente nova" para a empresa.

Segundo o CEO da Disney, o novo serviço de streaming terá curtas, filmes e séries da empresa, além de produções exclusivas. A princípio, o serviço incluirá apenas desenhos e franquias da própria Disney e da Pixar, pois, segundo Iger, também estão em análise lançamentos de plataformas diferenciadas para os produtos da Marvel e da Lucasfilm.

“Estamos conscientes do volume de produtos que entrarão nesses serviços. E queremos ter cuidado com isso. Também pensamos em incluir Marvel e ‘Star Wars’ como parte do serviço da marca da Disney. Mas aí precisamos verificar se os fãs de Marvel e ‘Star Wars’ são os mesmos fãs da Disney ou pertencem a outro grupo de interesses, que pode ser complementar para a Disney. Então, está tudo em discussão”, Iger afirmou.

O streaming da Disney deverá ficar disponível também fora dos Estados Unidos mas não há previsão de estreia do serviço para o Brasil.

Veja Também

IMAGE
MTV: Legends of Gaming Brasil é fruto de coprodução...
IMAGE
O roteirista/produtor David O. Russell está trabalhando em...
IMAGE
Agora que a caçada sangrenta por Pablo Escobar chegou ao...